Swift: Tutorial iOS – Apresentação

On 18 de novembro de 2014 by Conrado Carneiro

Apresentada pela Apple na WWDC de 2014 a nova Linguagem Swift surgiu com a promessa de tornar o desenvolvimento mais fácil, possibilitando que qualquer pessoa sem muitos conhecimentos possa desenvolver seu aplicativo.

2014-06-02-19.46.13
A seguir iremos abordar algumas novidades da linguagem, lembrando que apenas o XCode 6 ou superior possui suporte a essa linguagem. 

SWIFT NOVIDADES:

A primeira novidade e a mais comentada, foi a possibilidade de atribuir emoticons as variáveis e até mesmo utilizar os emoticons para nome de uma variável. Além disso caracteres orientais também podem ser utilizados. A seguir uma imagem exemplificando as novidades:

Captura de Tela 2014-11-18 às 14.02.10Para declarar variável utilizamos a estrutura var e não precisamos declarar o tipo da variável, caso queira, também é possível. A seguir dois exemplos de declaração de variáveis.

– Variável:

// Declaração de uma variável sem o tipo declarado explicitamente
var pesoCarro = 2100.32
// Declaração de uma variável com o tipo declarado explicitamente
var idade : int = 20

Devemos levar em consideração que em swift a utilização de ponto e virgula ao final de cada comando não é obrigatório, ficando a cargo do programador utilizar ou nao. Atenção: Diferentemente das variáveis as constantes são declaradas pelo termo let e não podem ter seus valores modificados após a primeira atribuição.

– Constante:

// Criando e atribuindo um valor a uma constante
let velocidadeMax = 120
let sobreNome = “Carneiro"

Atenção:
Para definir uma string nessa nova linguagem basta colocar o valor desejado entre aspas, não é mais necessário a utilização do @, utilizado anteriormente em Objective C.

– Tuplas:

São conjuntos de valores que podem ser de diferente tipos, a seguir temos exemplos de duplas e como é feito o acesso ao seus valores.

let pessoa = (“Conrado”, 27)
println (pessoa.0)
// será impresso Conrado na tela.

Podemos também nomear os valores da Tupla, ficando da seguinte forma:

let pessoa = (nome: “Conrado”, idade: 27)
println (pessoa.nome)

– Valores temporários:

Valores que podem não existir em algum momento devem ser identificados com o sinal de interrogação, ficando da seguinte forma:

var valorTemp: String? = “Bem Vindo, Conrado”
println (valorTemp!)

Atenção:
A exclamação é chamado de operador Unweap, e é responsável em desempacotar o conteúdo existente dentro da variável temporária.

Outra forma de realizar o desempacotamento é utilizando a estrutura chamada Opcional binding, que reduz o custo para desempacotar.

if let value = valorTemp {
	println (value);
}

– Listas:
Similar as outra linguagens, também apresenta estruturas de listas.

// Criando listas
let listaCarros = [“Gol”, “Parati”, “Voyage”, “Fusca”]
var listaVazia = [Double] ()<br>var listaCheia = [String](count: 2, repeatedValue: "Carro")

// Adicionando itens a lista
listaCheia[1] = “Kombi"
listaCheia.append(“Palio")

// Removendo<br><br>listaCheia.removeLast()
listaCheia.removeAtIndex(1)
listaCheia.removeAll(keepCapacity: false)

– Dicionários

var dicString = [String:String]()
// Adicionando valores ao dicionário
dicString[“Key"] = “chave”
dicString[“value"] = “valor"

// Removendo valores
dicString[“Key”] = nil
dicString.removeValueForKey(“valor”)

Atenção:
Lista e Dicionários que foram iniciados como constante NÃO podem ser alterados.

– Println (NSLog)

Em Objective-C utilizávamos a função NSLog para exibir uma informação no console de Debug, a função mudou de nome e sua utilização também.

ObjectiveC:

NSLog (@"O %@ irá para %@ amanha",pessoa, local);

Swift:

println ("O \(pessoa) irá para \(local) amanha")

No próximo post iremos abordar estruturas como switch, for e while. 

Confira as dicas para fazer um aplicativo de sucesso listadas pela Usemobile.

8 dicas para fazer um aplicativo de sucesso

 

3 Responses to “Swift: Tutorial iOS – Apresentação”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.