KITT – Carros Inteligentes e ITS

KITT – Kit de Infotenimento e Transporte Tecnológico.

Descrição: O objetivo deste projeto é criar um framework para integrar hardware e software em um ambiente de infotenimento veicular. Este ambiente é exigido pelos compradores de carros atualmente como um diferencial para o conforto no veículo, além de trazer funcionalidades de interesse privado, como diagnostico remoto do carro. Para descrever este novo tipo de aplicação é usado o termo “infotenimento para veículos” — in-vehicle infotainmen — ou “IVI”, que é associado a um sistema integrado de informações e entretenimentos veicular, exigido pelos compradores de carros atualmente. Os recursos e aplicações geralmente incluem:

Entretenimento para o assento traseiro (filmes, jogos, TV, rede social etc)

 

  • Navegação com GPS
  • Rádio/CD
  • Serviços baseados em localização
  • Conectividade   interna para dispositivos móveis
  • Comunicações externas via Internet

O IVI consiste de um computador de bordo, com uma interface confortavel ao motorista e aos passageiros. Propomos neste projeto o uso do sistema operacional Android. O Android oferece novas possibilidades para o desenvolvimento de aplicações, permitindo o uso de um ambiente de desenvolvimento gratuito e aberto a modificações, além de usar o Linux, com código fonte livre. Este fator é essencial para garantir a segurança e confiabilidade do sistema usado no IVI. Além disso, ele possui um conjunto de API que permitem o rápido acesso ao hardware do IVI e coleta de informações da rede de sensores do carro, sem afetar a segurança ou invasões do sistema veicular.  Atualmente os carros começaram a ser fabricados com o suporte a uma rede de sensores interna, chamada de CAN – Controller Area Network – a qual permite um relatório completo da situação do carro. O IVI atua como um integrador que comunica com a CAN ao mesmo tempo que permite acesso a internet e entrenimento do carro. O IVI servira como portal de acesso a estes dados, sendo que sua interface deve ser preparada de forma a não prejudicar a direção do carro. Ele também deve permitir o uso de aplicativos desenvolvidos de maneira direcionada ao tipo de interface do IVI.

Os requisitos para o infotenimento veicular são mais complexos do que para outros dispositivos eletrônicos portateis, como celulares. Enquanto oferecem funcionalidades similares a smartphones, PDAs,    eles precisam fornecer ao motorista e passageiros uma nova experiência de usuário sem interferir com a direção do carro e nem atrapalhar o motorista. Alem disso, todos os IVIs vem prontos de fábrica e precisam ter um ciclo  de vida equivalente ao do veiculo.

Antoniel e Vicente configurando o ambiente emulado do carro

Primeiro vôo autonomo do ArDrone.

Primeiro vôo 100% autonomo do Ar DRONE

Status: Em andamento 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.